Acreditação: Uma cultura voltada para a qualidade e segurança do seu hospital

Acreditação: Uma cultura voltada para a qualidade e segurança do seu hospital

Esse é o caminho básico para sua instituição crescer. Na área de saúde, as organizações do setor sempre estão determinadas a conquistar o máximo de aprimoramento. Para encurtar ou guiar esse caminho, temos o método de acreditação hospitalar.

A metodologia de acreditação é muito usual para gestores de hospitais atentos à inovação e habituados a buscar o melhor para a instituição e os pacientes.

A acreditação hospitalar tem sido utilizada por muitos países para estimular a melhoria da qualidade dos serviços hospitalares. No Brasil, a difusão da acreditação hospitalar é de responsabilidade da Organização Nacional de Acreditação (ONA).

A rede hospitalar no Brasil é diversificada em termos de infraestrutura, tipos de serviços e níveis de qualidade dos serviços prestados. Embora existam hospitais considerados de excelência, a grande maioria ainda precisa avançar em termos de qualidade dos serviços prestados.

Leia também: A importância da análise de indicadores para alcançar a acreditação

Em consequência, os novos procedimentos tendem a estimular uma série de melhorias nos processos da instituição de saúde. Para tanto, elas aderem a padrões e metas brasileiras e estrangeiras, que conferem segurança ao paciente e benefícios à clínica. Mudanças na gestão dos processos, nas práticas de segurança e nos comportamentos das pessoas são algumas das principais mudanças na acreditação. Ela também contribui para a criação de uma cultura voltada para a qualidade e segurança aos pacientes.

No Brasil, a mais utilizada é a acreditação ONA, que possui três níveis. Veja:

Nível 1: acreditado
Tem foco na segurança do paciente.

Nível 2: acreditado pleno
Aqui, deve-se analisar se o processo de assistência médica fornece bom desempenho, com base em uma gestão integrada.

Nível 3: acreditado com excelência
Avaliação da compreensão e uso das informações básicas nos primeiros níveis.

Seus benefícios, quais são?

A busca pela acreditação hospitalar faz a organização de saúde se manter atualizada. O resultado disso é um hospital mais preparado e capaz de atingir os resultados mais dotados. Além disso, aumenta a confiança dos pacientes e mais satisfação nos tratamentos e procedimentos médicos, afinal, a instituição será otimizada de ponta a ponta, contando assim com a integração dos setores hospitalares.

A otimização dos serviços hospitalares gerados pela acreditação hospitalar também acaba o risco de eventos adversos. Os colaboradores passam a ter mais qualidade de vida no ambiente de trabalho, o que também reflete em mais produtividade.

O primeiro passo para quem busca a acreditação é entrar em contato com uma das Instituições Acreditadoras Credenciadas, pois elas são responsáveis por conduzir o processo de avaliação e certificação de qualidade através da metodologia da ONA.

A partir disso é marcada uma visita ao hospital, o assessor líder da IAC entra em contato com a direção do hospital para elaboração do plano de visita e após a aprovação do mesmo, o hospital deve se preparar para a visita.

A ONA categoriza o hospital em 7 seções, cada seção com sua fundamentação. O que o hospital deve buscar é que essas seções interajam entre si. Assim a instituição poderá ser avaliada com consistência sistêmica, onde todas as seções têm a mesma importância no processo de avaliação.

As seções de avaliação são:

Liderança e Administração
Serviços Profissionais e Organização da Assistência
Serviço de Atenção ao Paciente/Cliente
Serviços de apoio ao Diagnóstico
Serviços de apoio Técnico e Abastecimento
Serviços de Apoio Administrativo e Infraestrutura. Ensino e Pesquisa
Será fundamental o desenvolvimento de uma visão estratégica da reforma, baseada em um conjunto de princípios e políticas que possam provocar mudanças na organização e no comportamento dos hospitais.

Fonte da imagem: Freepik



Deixe uma resposta