8 Princípios do Cuidado Centrado no Paciente, segundo o Institute of Medicine

O Cuidado Centrado no Paciente é uma prática em que o paciente (e seus familiares) participam das decisões que envolvem sua saúde. Assim, o atendimento profissional passa a ser personalizado de acordo com as vontades e demandas individuais.

Este movimento universal que implica na valorização do papel do paciente no cuidado tem sido amplamente debatido em estudos, e o Institute of Medicine definiu 8 princípios desta prática:

 

  1. Respeito pelos valores, preferências e necessidades dos pacientes: reconhecer cada paciente como único e seguir um plano que atenda às suas especificidades.
  2. Coordenação e integração do cuidado: a fim de reduzir o sentimento de vulnerabilidade dos enfermos.
  3. Informação e educação: aprimorar o conhecimento dos pacientes sobre suas condições e tratamentos possíveis.
  4. Conforto físico: para melhorar a experiência do paciente.
  5. Auxílio emocional e alívio do medo e ansiedade: para empoderar o paciente.
  6. Envolvimento de familiares e amigos: pois eles têm papel fundamental na experiência do paciente.
  7. Continuidade e transação: oferecer aos pacientes condições para que façam parte do cuidado.
  8. Acesso ao cuidado: fazer com que os pacientes possam acessá-lo quando necessário.

 

 

Fique por dentro do assunto: Cuidado Centrado no Paciente é o foco do novo Manual da Anvisa

Implementando essas práticas na instituição, o paciente passará a ter papel ativo nas decisões, trabalhando em parceria com os profissionais da saúde para definir o melhor procedimento disponível.

 

Descubra mais sobre o Cuidado Centrado no Paciente no II Fórum Práticas de Excelência para a  Segurança do Paciente, nos dias 20 e 21 de julho em São Paulo!

Vagas limitadas pelo site: www.foruminternacionalibes.com.br


Confira o vídeo do canal! Neste episódio Aléxia Costa comenta necessidade do cuidado centrado no paciente.

 

Participe do curso de Gerenciamento de Riscos e Implantação do Núcleo de Segurança do Paciente!

 

Referência:

Institute of Medicine. The Eight Principles of Patient-Centered Care. 2015.



Deixe uma resposta