Um em cada quatro brasileiros adultos dizem ter diagnóstico médico de hipertensão

De acordo com o Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL) de 2017, o número de hipertensos aumentou nos últimos 11 anos. A hipertensão autorreferida passou de 22,6% em 2006, para 24,3% em 2017.

Segundo o estudo, as mulheres continuam com a maior prevalência de diagnóstico médico quando comparado aos homens.

 

QUERO ME INSCREVER NO II FÓRUM DE PRÁTICAS DE EXCELÊNCIA EM SEGURANÇA DO PACIENTE E II ENCONTRO DA GERAÇÃO DE EXCELÊNCIA

 

A doença é um dos principais fatores de risco para a ocorrência de acidente vascular cerebral, enfarte, aneurisma arterial e insuficiência renal e cardíaca.

Plataforma Saúde Brasil

Com o objetivo de aproximar a população de informações especializadas sobre promoção à saúde, o Ministério da Saúde, lançou, em junho de 2017, a plataforma Saúde Brasil. A ferramenta na internet faz parte de uma campanha que visa divulgar informações para a população brasileira sobre a adoção de práticas para a promoção da saúde. Todos os conteúdos e serviços estão baseados em quatro pilares: “Eu quero parar de fumar”; “Eu quero ter peso saudável”; “Eu quero me alimentar melhor”; e “Eu quero me exercitar”.

 

Já estão abertas as inscrições para o 2º Fórum Práticas de Excelência do IBES e 2º Encontro da Geração de Excelência.

 

Confira o Canal de Excelência em Saúde!

Erro de medicação é um incidente de segurança do paciente freqüente, danoso e caro. Os estudos atuais têm se concentrado principalmente nos erros de medicação que ocorrem nos hospitais. Neste estudo, objetivou-se identificar as principais causas e soluções para o erro de medicação na atenção primária.

 

Participe do próximo Gerenciamento de Indicadores para a Excelência de Desempenho
Inscreva-se já!

 

Fonte: Conselho Federal de Farmácia