Entenda a diferença entre Certificação e Acreditação

Entenda a diferença entre Certificação e Acreditação

Ao que tudo indica, ainda existem muitas dúvidas quanto a diferença entre certificação e acreditação. O fato é que, existem diversos manuais e normas de qualidade e a adoção de qualquer uma delas depende de diversos fatores. Nessa circunstância, esses dois termos são recursos fundamentais para consolidar e atestar a qualidade dos serviços oferecidos pelas organizações, apesar de ambas estarem relacionadas ao cumprimento de normas e regulamentos técnicos específicos.

Acreditação é o processo pelo qual uma instituição ou órgão competente atesta a competência técnica de uma empresa para prestar um serviço ou fornecer um produto. De forma simples, também podemos dizer que as acreditações são voltadas ao atendimento de requisitos. Porém, nas acreditações existe também a avaliação de conformidade de requisitos técnicos do processo, de forma muito mais aprofundada.

Enquanto na certificação são avaliados apenas os processos e a gestão da organização, na acreditação são realizados testes de capacidade técnica, a fim de comprovar que a empresa é capaz de realizar o que se dispõe a fazer.

Apesar de haver diferença entre certificação e acreditação, o importante é entender que ambas são formas de buscar a qualidade do produto ou serviço. Podemos entendê-las como um conjunto de boas práticas que vão organizar o sistema de gestão e orientá-lo para a satisfação do cliente.

Leia também: O que é ONA – Organização Nacional de Acreditação?

No caso da acreditação, é ainda mais interessante perceber que a empresa passará por uma série de testes que vão determinar a qualidade do produto ou serviço, competência técnica. Dessa forma, durante as auditorias, a empresa também conseguirá identificar inconsistências e problemas muito mais específicos de sua área de atuação.

De forma geral, tanto as certificações quanto as acreditações trarão grandes benefícios para a empresa, como a padronização dos processos, a identificação de falhas e pontos de melhoria e a criação de um ciclo de melhoria contínua.

Cada categoria de certificação ou acreditação requer conhecimentos específicos e um trabalho extremamente focado, principalmente para se poder extrair delas o máximo resultado para a empresa. Para ajudar nisso, você poderá contar com a ajuda de uma consultoria especializada. Porém, lembre-se: você conhece sua empresa como ninguém e o sucesso do processo de implantação de qualquer norma dependerá diretamente do seu foco e esforço.

Além disso, existem uma série de atividades que podem ser simplificadas para ajudar você a superar o desafio de implantar uma certificação ou acreditação.

Vale ressaltar que tudo depende da área de atuação da organização. Afinal, o desígnio da acreditação já é preestabelecido pela ONA, e não são todos os setores que contam com esse atestado disponível. Logo, a certificação é tida como um recurso mais cabível.

O importante é que ambos os mecanismos buscam a qualificação dos bens e produtos oferecidos. Essas qualificações geram inúmeros benefícios às corporações. Por exemplo, aprimoramento e melhorias constantes nos processos, maior notoriedade no mercado competitivo, redução de custos e garantia da segurança dos consumidores.

Agora você compreendeu a diferença entre certificação e acreditação e pôde perceber que elas são muito importantes para que sua empresa dê continuidade na prestação de serviços diante de um mercado cada vez mais competitivo. Portanto, conte com apoio profissional no preparo desta implantação de melhorias internas.

Fonte da imagem: Freepik



Deixe uma resposta