Vacinação de febre amarela será expandida para todo o Brasil

Nesta terça-feira (20/03), o Ministério da Saúde anunciou a expansão da campanha de vacinação contra a febre amarela para todo o país. A ampliação será gradual e concluída até abril de 2019. A medida é preventiva e tem como objetivo antecipar a proteção contra a doença para toda população em caso de um aumento na área de circulação do vírus.
 
QUERO ME INSCREVER NO II FÓRUM DE PRÁTICAS DE EXCELÊNCIA EM SEGURANÇA DO PACIENTE E II ENCONTRO DA GERAÇÃO DE EXCELÊNCIA
 
A estimativa é que sejam vacinadas 77,5 milhões de pessoas em todo território nacional. O quantitativo corresponde à estimativa atual de pessoas não vacinadas nessas novas áreas.
Para os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia, que já iniciaram a campanha, será estendido a vacinação a todos os municípios. Apenas estes três estados continuarão vacinando a população com a dose fracionada, seguindo a Campanha de Fracionamento da Vacina de Febre Amarela deste ano. Serão contempladas 40,9 milhões de pessoas nestes estados.
 
Leia também: Sociedade Brasileira de Pediatria publica documento sobre febre amarela
 
Seguindo o cronograma, em julho deste ano, os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul adotarão a vacina padrão em todos os municípios para mais 11,3 milhões de pessoas. Em janeiro de 2019, os estados do Nordeste começam a vacinação da dose padrão. Os estados do Piauí, Paraíba, Pernambuco, Ceará, Alagoas e Sergipe e Rio Grande do Norte totalizarão 25,3 milhões de pessoas. O estado do Maranhão não entra nessa medida porque já é considerado área com recomendação de vacina, ou seja, a vacina da febre amarela faz parte da rotina do estado.
Para atender à demanda, o Ministério da Saúde solicitou ao laboratório produtor da vacina de febre amarela, Bio-Manguinhos/Fiocruz, um aumento de doses para a rotina de vacinação de 2019.
 

Quer saber dicas sobre a Segurança do Paciente? Confira o Canal de Excelência em Saúde

Neste episódio Aléxia Costa comenta como pacientes envolvidos previnem eventos adversos.

 
Participe do próximo Leader Coach – Desenvolvimento pessoal e profissional de líderes em saúde
Inscreva-se já!

 
 
Fonte: Site do Ministério da Saúde